O Mito Fundador

A Ilíada e a Odisséia, atribuídas a Homero, são dois dos poemas mais famosos da história da humanidade. Ninguém realmente acredita que um dia existiu um Minotauro, as sereias ou o ciclope; nem há quem honestamente acredite que os antigos filósofos gregos realmente acreditaram em tais criaturas. No entanto, esses poemas são os mitos fundadores sobre os quais a cultura grega foi construída.
Este não é o único caso na história, o mito de Rômulo e Remo, fundadores do Império Romano; as histórias de Shiva e Shakti, entre inúmeras outras, incluindo os mitos fundadores das grandes religiões dos tempos modernos, são exemplos vívidos de como as histórias são a base onde as grandes culturas são construídas.
A subcultura Goreana não pode ser comparada em tamanho ou importância à grandes culturas como as acima mencionadas, mas têm o mesmo direito de crescer inspirada por um mito. Da mesma forma que os cristãos modernos não apedrejam prostitutas, e os filósofos gregos não usam sereias ou ciclopes para estruturar seus pensamentos, os Goreanos lifestylers não usam todos os aspectos da Saga Goreana, o mito fundador da filosofia goreana, para viver.
Fico sempre muito penalizado por quem desperdiça seu valioso tempo procurando em uma saga de ficção desculpas para argumentar por que outra pessoa deveria ser diminuída em vez de cuidar de sua própria vida e trabalhar para ter uma experiência maior e gratificante nesta comunidade que, gostem ou não, todos nós compartilhamos.

Master Christian Sword of Gor

ChristianSword Escrito por:

seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *