Categoria: Casa de Henri

O Café

O café é uma das grandes bebidas da humanidade. Seu início se deu conforme alguns estudiosos nos monastérios do Yêmen. Quando o café chegou na Europa, era conhecido como Vinho da Arábia. E em GOR e conhecido como Black Wine.

Conforme o IBGE, o Brasil se coloco no segundo lugar do ranking mundial de consumo de café, perdendo apenas para os EUA. Aqui saímos bem do consumo médio por casa, que é de aproximadamente 2,5kg por habitante.

O Café é um dos símbolos da aristocracia e crescimento do fortalecimento econômico do Brasil mas é também o símbolo da Casa de Master Henri. E nada pode explicar a sensação de um bom café ao pés do Master. Esse que já foi o símbolo de riqueza e monarquia. E o símbolo que carrego na coleira, representando toda paixão é calor que existe dentro dessa casa que faço parte.

Nos livros Goreanos temos o vinho negro, deixo uma breve explicação sobre ele encontrada nos livros.

Esta bebida é como o café, feita de um grão cultivado na cidade montanhosa de Thentis. É muito forte e amargo. É tradicionalmente servido muito quente, com  açúcares amarelos ou brancos e leite, em pequenas tigelas.

Outros açúcares, especiarias e cremes também podem ser servidos com ele. As tigelas podem ter pequenas alças ou não. Em alguns aspectos, é como o café expresso. Nas cidade próximas ao rio Vosk e algumas cidades do norte, a frase “segundo escravo” indica que vocês não quer creme ou açúcares  no seu Vinho Negro. Isso vem do costume que em algumas regiões duas kajiras servem o Vinho Negro.

A primeira kajira é responsável por limpar as tigelas, pegá-las e de ver que a bebida é preparada de acordo com o gosto de seu senhor. A segunda kajira apenas serve o Vinho Negro. Em algumas regiões, há maneiras mais formais para servir o Vinho Negro, tais como na região do Tahari. Thentis não comercializa o grão para fazer esta bebida. Em Thentis, é comum ser servido nas casas das castas altas. É um luxo caro fora da região de Thentis, acessível  a apenas os mais ricos. A maioria das Tavernas de Paga não servem Vinho Negro devido a sua raridade e custo elevado.


Maison Du Bearn

Abro aqui as portas da minha Casa a aqueles de bom coração e honrados que queiram conhecer a minha caminhada, de passos curtos porém firmes, em minha trajetória por GOR e Alkania.

Sou Master Henri d’Aramitz, Goreano , nascido em São Paulo, membro da cidade de Alkania, pertencente à